O Valência anunciou hoje ter desistido da compra do médio brasileiro Rodrigo Caio, depois de o futebolista ter sido submetido em Espanha a exames médicos prévios à assinatura do contrato que o ligaria ao clube espanhol.

Oficialmente, Valência divulgou hoje um comunicado no qual refere apenas que a contratação de Rodrigo Caio não se consumará “depois de considerados diferentes problemas na operação, que desaconselham a contratação”.

Fontes ligadas à operação citadas pela agência EFE adiantam, no entanto, que na origem do recuo do Valência estarão problemas físicos diagnosticados durante os exames médicos que antecedem a assinatura do contrato, nomeadamente uma antiga lesão numa rótula.

O anúncio da venda do médio do São Paulo ao clube espanhol, por 12,5 milhões de euros, foi feito a 12 de junho.

A venda do jogador brasileiro de 22 anos à equipa treinada por Nuno Espírito Santo previa ainda o pagamento de mais quatro milhões de euros ao São Paulo, em função do seu desempenho.

O Valência terminou em quarto lugar no campeonato espanhol.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.