Didier Deschamps, selecionador francês, comentou os episódios de falta de disciplina de Ousmane Dembélé no Barcelona.

O jogador francês não foi convocado para a partida dos catalães frente ao Bétis devido a estes episódios polémicos, mas está presente na concentração da equipa gaulesa para os jogos com a Holanda e Uruguai. O selecionador, em conferência de imprensa, tentou chamar o jogador à razão o jovem de 21 anos.

"Ele já está connosco há muito tempo, conheço as desculpas dele quando chega atrasado, tem um pouco esse hábito. Em sua defesa, diz sempre que não é o único. Mas seja num clube ou na seleção francesa, o Dembélé tem que ter um pouco mais de atenção às coisas que fazem parte do dia-a-dia de um futebolista de alto nível", afirmou Deschamps.

"É um jogador jovem que conheceu muitas coisas. Não perco a esperança. São situações que podem repetir-se e quanto mais cedo evitá-las ou compreendê-las, melhor será para todos. Não perco a esperança de que ele um dia se dê conta de tudo isto e quanto mais rápido isso acontecer, melhor", acrescentou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.