A seleção de São Marino conquistou o seu primeiro ponto nos últimos seis anos, ao empatar fora com o Liechtenstein a zero bolas. Depois de 41 derrotas consecutivas, a pequena república de apenas 35 mil habitantes conseguiu finalmente evitar a derrota, em jogo do Grupo D-2 da Liga das Nações. Desde novembro de 2014 que só sabia perder.

O último jogo que terminou sem derrotas para o pequeno país aconteceu em novembro de 2014, também num 0-0, agora frente a Estónia. Este empate tem sabor a vitória já que a seleção de São Marino tinha perdido todos os jogos realizados longe de casa, desde 2003.

Apesar do ponto conquistado, São Marino é último do Grupo D-2, liderado por Gibraltar que tem seis pontos em dois jogos, mais dois que Liechtenstein que tem três partidas realizadas, tal como São Marino. Este grupo tem três equipas. Na Liga das Nações, a pequena república encravada em Itália tinha perdido os jogos com Gibraltar (1-0) e Liechtenstein (2-0).

A seleção última colocada do ranking da FIFA somou apenas uma vitória nos 168 jogos já disputados (precisamente frente ao Liechtenstein, em 2004, num amigável), desde que foi admitido como membro da FIFA em 1990. Nesses 168 jogos, conta também com cinco empates.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.