Após o triunfo por 1-0 no Minho, o Sporting de Braga tinha a tarefa difícil de aguentar a vantagem na eliminatória, mas acabou por realizar uma exibição personalizada, tornando-se na primeira equipa portuguesa a vencer no difícil Estádio Sánchez Pizjuán.

O brasileiro Matheus marcou um precioso golo, aos 31 minutos, e assistiu o compatriota Lima, aos 58, antes de Luís Fabiano ainda dar alguma esperança à equipa espanhola, num lance com muitas responsabilidades para o guarda-redes Felipe.

Numa parte final de “loucos”, o campeão do Mundo Jesus Navas ainda empatou a partida, aos 84 minutos, mas um endiabrado Lima voltou a ‘facturar’ no lance seguinte e aumentou ainda mais a vantagem aos 89, completando o seu hat-trick. Kanouté completou o vendaval de golos aos 90+1 e estabeleceu o resultado final.

Com este triunfo, o Sporting de Braga vai marcar presença pela primeira vez no restrito grupo de 32 equipas que vai disputar a Liga “milionária”, tornando-se no quinto clube português a alcançar tal feito, depois de FC Porto, Benfica, Sporting e Boavista.

Em Génova, frente à Sampdoria, o Werder Bremen, sem Hugo Almeida, esteve a segundos de dizer adeus à Liga dos Campeões, quando perdia por 3-0, mas o sueco Rosenborg manteve os germânicos em prova, quando marcou aos 90+3 minutos, igualando a eliminatória (3-1 na Alemanha), e Pizarro confirmou a qualificação, já em tempo de prolongamento.

O Partizan Belgrado também sofreu para conseguir um lugar na “Champions”, depois de ter precisado da marcação de grande penalidade para afastar o Anderlecht, após 2-2 no tempo regulamentar e prolongamento.

O brasileiro Cléo (ex-Olivais e Moscavide) marcou os dois tentos da equipa sérvia, mas os belgas obrigaram o encontro a ir a prolongamento, com golos de Lukaku e Gillet.

Na lotaria dos pénaltis, Boussoufa falhou para o Anderlecht e ‘ofereceu’ a Liga ‘milionária’ ao Partizan, equipa em que actua o ex-Boavista Moreira.

O Basileia também assegurou presença na fase de grupos, com um triunfo convincente por 3-0 no terreno do Sheriff Tiraspol, com destaque para o “bis” do avançado veterano Frei, depois de já ter vencido o encontro na Suiça, por 1-0.

Em Israel, o Hapoel Telavive necessitou apenas de um empate (1-1) frente ao Salzburgo para regressar à “Champions”, depois de ter vencido na primeira mão, na Áustria, por 3-2.

O sorteio da fase de grupos da Liga de Campeões, que além do Sporting de Braga terá também a presença do Benfica, está agendado para quinta-feira.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.