O Bayern Munique deu um passo em frente rumo aos quartos de final da Liga dos Campeões ao golear fora a Lazio por 4-1, em encontro da 1.ª mão dos oitavos de final da prova.

No estádio Olímpico de Roma, os atuais campeões europeus não sentiram dificuldades para levar de vencida a formação italiana, muito desastrosa na defesa esta noite.

Frente-a-frente duas equipas que não tinham perdido na fase de grupos: os bávaros venceram o Grupo A com cinco vitórias e um empate, os italianos passaram no segundo lugar do Grupo F, atrás do Borussia Dortmund.

Depois do ‘sextete’ de 2020, selado já em 2021 com o Mundial de clubes, o Bayern procura tornar-se no segundo clube, além do Real Madrid, a revalidar o título na ‘era Champions’.

Podia-se pensar em fragilidades no Bayern Munique, depois de ter perdido na Liga Alemã frente ao Eintracht Frankfurt mas os atuais campeões europeus e mundiais foram implacáveis.

Aos nove minutos, Musacchio cometeu um erro com um péssimo atraso para o guarda-redes Reina, a bola chegou a Lewandowsi que não desperdiçou e abriu o ativo.

Sempre melhores, os bávaros vão chegar ao 2-0 aos 24 minutos pelo jovem inglês Musiala. O médio de 17 aproveitou um passe de Goretzka para, de fora da área, disparar par ao 2-0. No mesmo minuto, a Lazio tinha estado perto de empatar mas o remate de Luis Alberto acabou nas mãos de Neuer.

Simone Inzaghi, treinador da Lázio, tentou mudar o rumo dos acontecimentos, trocando Musacchio por Lulic mas só dava Bayern.

Antes do intervalo, uma transição rápida dos campeões alemães terminou no 3-0, aos 43 minutos. Coman desceu pela direita, rematou forte para defesa de Reina, a bola foi ter com Sané que só teve der encostar. O 4-0 esteve nos pés de Kimmich mas Reina defendeu o tiro do médio.

Se a primeira parte tinha sido dura para a Lazio, a segunda começou da pior forma. Após mais um ataque rápido do Bayern, Sané tentou servir Davies na área mas apareceu Acerbi a desviar para a própria baliza.

A Lazio minimizou os estragos com o golo de honra, apontado por Correa aos 49 minutos, depois de um bom trabalho na área alemã.

Até ao final, Neuer travou as investidas da Lázio, que tentou de todas as formas diminuir as contas do jogo.

Os alemães somam 17 vitórias e um empate – 1-1 no reduto do Atlético de Madrid, com as ‘reservas’ - nos últimos 17 jogos na Liga dos Campeões.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.