A Roma e o Sevilha garantiram, esta terça-feira, um lugar nos quartos de final da Liga dos Campeões de futebol, ao eliminarem o Shakhtar Donetsk, de Paulo Fonseca, e o Manchester United, de José Mourinho, respetivamente.

Os italianos venceram no Olímpico de Roma com um golo do bósnio Edin Dzeko, aos 52 minutos, e garantiram o apuramento devido ao golo marcado fora no jogo da primeira mão, em que a equipa ucraniana tinha vencido por 2-1.

A situação piorou para a equipa de Paulo Fonseca, que ainda tentou atacar, mas a expulsão de Oderts, aos 79 minutos, complicou a vida aos ucranianos.

Em Old Trafford, o Sevilha surpreendeu o favorito Manchester United, ao chegar a uma vantagem de 2-0, com golos do francês Ben Yedder, aos 74 e 78 minutos, e para os ingleses de nada valeu o golo do belga Romelu Lukaku, aos 84, depois de ambas as equipas terem empatado sem golos na primeira mão.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.