O treinador do Manchester United, Erik ten Hag, instou os seus jogadores a manterem a calma perante o ambiente dos adeptos no estádio do Galatasaray para o jogo da quinta jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões desta quarta-feira.

O United está na última posição do Grupo A e será eliminado se perder na Turquia. Os 'red devils' não dependem de si próprios, já que, mesmo vencendo o Galatasaray e o Bayern de Munique na última jornada em Old Trafford, duas vitórias do FC Copenhaga levariam os dinamarqueses para a próxima fase.

Na conferência de imprensa antes do jogo, Ten Hag insistiu que os seus jogadores chegam a Istambul com confiança, apesar da situação difícil e da receção hostil que os espera.

"Sabemos lidar com isso e tenho certeza de que amanhã teremos uma equipa confiante em campo. Temos que manter a calma e não nos deixar levar pelas emoções. Nós precisamos de emoção, mas tem que controlá-la. Não entrar em confronto com o adversário ou o árbitro. Temos que ficar longe desses momentos. Sabemos lidar com isso. Temos que jogar com confiança e da nossa maneira; é mais importante focarmo-nos no nosso jogo e não tanto no jogo do adversário", disse o treinador neerlandês.

O treinador da equipa inglesa sublinha que só um Manchester United personalizado conseguirá sair da Turquia com a tão necessária vitória.

"Temos que fazer as coisas à nossa maneira. Obviamente, o Manchester United tem muita história, mas isso não garante nada em relação ao futuro, então temos que fazer o nosso próprio futuro. Está em nossas mãos ", disse ele.

O treinador dos 'red devils' enalteceu que a equipa melhorou muito desde a surpreendente derrota por 3-2 diante do Galatasaray em Old Trafford no início do mês passado. O Manchester United vem de uma vitória na Premier League diante do Everton por 3-0 no domingo, o quinto triunfo do United na Premier League em seis jogos.

"É um bom progresso. Estamos a evoluir, estamos mais estáveis, estamos a ganhar jogos; então definitivamente há uma grande diferença desde a primeira vez que jogámos contra eles", sublinhou Ten Hag

Rasmus Hojlund e Antony estão de regresso aos convocados após lesão, proporcionando ao treinador neerlandês mais opções de ataque, isto perante a ausência de Marcus Rashford devido a castigo.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.