O guarda-redes Felipe segurou a vantagem do Sp. Braga frente ao Sevilha, na primeira mão do play-off de acesso à Liga dos Campeões, e confessou que temia o ataque do Sevilha.

"O Sevilha tem jogadores com Luís Fabiano, Renato, da selecção brasileira, pelo que esperava mais trabalho. Só que toda a equipa deu o máximo e não concedeu espaços ao adversário. Vencemos sem sofrer golos e esse era o objectivo", sublinhou o guardião brasileiro.

Felipe chegou a apenas duas semanas a Braga, mas não demorou a agarrar o lugar que pertenceu a Eduardo e revela a alegria por já ouvir o hino da Champions. "É o sonho de qualquer atleta. Há 15 dias estava no Brasil a tentar resolver a minha situação no Corinthians e hoje joguei na Liga dos Campeões", disse o brasileiro após o jogo.

Questionado sobre as expectativas para a segunda mão, Felipe não hesita em apontar para as diferenças relativamente à partida desta noite. "Vai ser uma partida diferente. Nós trazemos a vantagem do primeiro jogo e eles vão ter de dar mais espaços para tentarem dar a volta à eliminatória", concluiu.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.