O Benfica perdeu com Bayer Leverkusen por 3-1, em jogo da segunda jornada do Grupo C da Liga dos Campeões. Os "encarnados" ainda não pontuaram nesta edição da Champions mas Jesus acredita no apuramento para a fase seguinte.

O técnico da formação da Luz recusa atirar a `toalha ao chão` mas lembra que, desportivamente, a Liga Europa é mais importante que uns quartos-de-final da Liga dos Campeões.

"Desportivamente, a final da Liga Europa é mais importante que os quartos-de-final da Liga dos Campeões. Mas nós queremos jogar com os melhores e os melhores estão nos quartos e nas meias-finais da Champions. Queremos fazer tudo para passar da fase de grupos, temos menos hipóteses de quando começou. Ainda temos 12 pontos em disputa. Há muito equilíbrio neste grupo. Esta equipa do Bayer perdeu com o Mónaco e hoje ganhou-nos. Penso que é a melhor equipa do Grupo, a mais forte. Estas quatro equipas estão muito perto de perder mas também de ganhar", disse o técnico "encarnado" à Sport TV.

Jorge Jesus admite que já sabia como ia jogar os "farmacêuticos" mas não conseguiu explicar a primeira parte do Benfica.

"Numa primeira parte com 2-0, não há muita leitura a fazer. O Leverkusen esteve melhor do que nós, fez dois golos. Foi uma equipa com muita qualidade, tem uma forma de jogar muito agressiva, estávamos preparados para ela. Fez uma primeira parte de muita pressão alta, como normalmente faz em casa, criando muitas dificuldades aos adversários. Era preferível ter feito melhor mas percebi que eles foram melhores do que nós, ponto final", atirou.

O Benfica perdeu com o Bayer Leverkusen por 3-1, somando a segunda derrota na presente edição da Champions. A turma de Jesus é última no Grupo C com zero pontos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.