A receção do Real Madrid, 13 vezes campeão da Europa, ao Manchester City, que procura o primeiro título, é o jogo ‘grande’ da segunda metade da primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões em futebol.

Na quarta-feira, os ‘merengues’, acabados de perder a liderança em Espanha, procuram o regresso à glória pós Cristiano Ronaldo, que visita Lyon com a Juventus, enquanto a equipa de Bernardo Silva também tenta esquecer amarguras internas.

Antes, na terça-feira, Lionel Messi, que no fim de semana regressou aos golos com um ‘póquer’, visita, com o FC Barcelona, a ‘casa’ de Diego Armando de Maradona, o San Paolo, em Nápoles, e o Bayern Munique tenta alargar o seu incontestável poderio ‘regional’ à Europa, no confronto com o Chelsea, em Londres.

Dos quatro jogos, o que desperta maior atenção é, sem dúvida, o do Santiago Bernabéu, onde os ‘blancos’ tentam voltar a ser ‘grandes’ na Europa - depois dos títulos de 2013/14, 2015/16, 2016/17 e 2017/18 – sem os golos de Cristiano Ronaldo.

Na época passada, primeira depois da partida daquele que se tornou o melhor marcador da história do clube (451 golos em 438 jogos), o Real Madrid caiu nos ‘oitavos’, face ao Ajax (2-1 fora e 1-4 em casa), algo que vai procurar não repetir.

Pela frente, os comandados de Zinédine Zidane vão ter o City, que trás de regresso ao Bernabéu, onde já venceu muitas vezes, o técnico Pep Guardiola, que comanda uma equipa que tem dececionado na ‘Premier League’, seguindo a 19 pontos do líder e quase campeão Liverpool, que tem menos um jogo disputado.

O conjunto de Manchester deverá, assim, apostar tudo, ou quase tudo, na ‘Champions’, até porque foi recentemente condenado, ao abrigo do ‘fair play’ financeiro, a um castigo de dois anos fora das competições europeias. É agora, ou daqui a muito tempo.

Se são esperadas grandes emoções em Madrid, no mesmo dia, em Lyon, a Juventus apresenta-se como inquestionável favorita, na casa de um conjunto ainda por cima desfalcado, por lesão, da sua grande ‘estrela’, o holandês Memphis Depay.

No que será o seu quarto embate face ao conjunto gaulês nos ‘oitavos’, Cristiano Ronaldo é a grande ameaça para o compatriota Anthony Lopes, com 23 tentos em 30 jogos nesta fase de prova e golos – num total de 13 – em todos os seus nove jogos de 2020.

Em relação aos embates de terça-feira, o Bayern Munique, vencedor das últimas sete edições da ‘Bundesliga’, joga no reduto de um irregular Chelsea e é claramente favorito, numa época em que já venceu na capital inglesa, o Tottenham, por incríveis 7-2.

O polaco Robert Lewandowski, autor de 23 golos na ‘Bundesliga’ e 10 na ‘Champions’, será a maior ‘dor de cabeça’ para os londrinos, que sonham em voltar a surpreender os bávaros, como fizeram, em pleno Allianz Arena, na final de 2011/12.

O outro encontro está marcado para Nápoles, o ‘santuário’ de Maradona, onde se desloca, pela primeira vez, o seu sucessor, Messi, que, sem a companhia de Suárez e Dembelé, vai tentando manter o FC Barcelona à ‘tona’.

Na estreia europeia de Quique Sétien, o ‘Barça’ apresenta-se como favorito, até porque o Nápoles está a fazer a pior época em muitos anos, mas na cabeça dos seus jogadores ainda pairam, com certeza, os ‘desastres’ de Roma (2018) e Liverpool (2019).

Em relação aos primeiros quatro jogos dos ‘oitavos’, destaque para o 1-0 do Atlético de Madrid ao campeão Liverpool, selado por Saúl Ñíguez, e o ‘bis’ do ‘miúdo’ norueguês Haaland (já tinha oito tentos pelo Salzburgo) no 2-1 do Borussia Dortmund ao Paris SG.

Por seu lado, a estreante Atalanta bateu em San Siro o Valência por convincentes 4-1 e o Leipzig, um dos ‘carrascos’ do Benfica, ganhou fora ao Tottenham, de José Mourinho, por 1-0, graças a um penálti de Timo Werner.

Os quatro encontros que completam a primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões têm todos início às 20:00 (em Lisboa), também o horário dos jogos da segunda mão, marcados para 10, 11, 17 e 18 de março.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.