Luisão não escondeu a aflição dos últimos minutos do Benfica, ao consentir três golos ao Lyon e quase o empate num jogo em que esteve a golear por 4-0. "Como defesa, queria ter terminado o jogo com mais tranquilidade. Conseguimos tirar quase todas as bolas, mas em duas bolas paradas não fomos felizes. Mas, com excepção para o final do jogo, demos tranquilidade à equipa para marcar os golos e conseguir a vitória", disse o jogador após o triunfo por 4-3 contra a equipa francesa.

Confrontado com a importância do jogo com o FC Porto e se este assume carácter decisivo face aos sete pontos de desvantagem para os dragões, Luisão não fugiu à questão e admitiu a importância da partida: "Se eu disser que é um jogo decisivo à 10.ª jornada, enganar-vos-ia, porque faltam ainda 20. Mas é um jogo de extrema importância para o Benfica."

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.