Na antevisão da partida com o Sevilha, e com o embate frente ao Chelsea no próximo fim-de-semana, José Mourinho descartou a possibilidade de poupar jogadores no encontro de amanhã frente aos espanhóis.

"Temos dois jogos importantes, mas o melhor é pensarmos que há um. Aconteceu o mesmo com o Huddersfield e não poupámos ninguém (...). Jogámos com os que estavam disponíveis, menos com o De Gea porque temos muito respeito pelo Romero e queremos que ele tenha alguns jogos antes do Mundial", começou por dizer em conferência de imprensa.

"Em todos jogos damos tudo e por isso amanhã vamos com tudo. Às 21h30, começaremos a pensar no próximo jogo", prosseguiu.

Ainda durante o lançamento da partida, José Mourinho recordou a diferentes participações na Champions ao serviço de clubes diferentes, nomeadamente a sua passagem pelo FC Porto.

"O FC Porto era uma equipa inexperiente na Liga dos Campeões. Já o Inter era totalmente o inverso com muitos jogadores acima dos 30 anos. Acho que esta equipa [Manchester United] está mais no meio. Mas os sonhos na Champions começam nos quartos de final e não já."

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.