Pedro Proença destacou esta quarta-feira a escolha de Lisboa para receber a 'final a oito' da Liga dos Campeões 2019/2020.

O presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional, em declarações ao site oficial do organismo, afirmou que a escolha da capital portuguesa é demonstração da qualidade dos estádios nacionais.

"Ter a confiança da UEFA para receber quatro jogos da final da Liga dos Campeões é sinal de orgulho, mas também da qualidade que as infraestruturas do Futebol Profissional têm. Algumas, como são o caso das escolhidas, são de excelência e isso deve ser valorizado por todos nós.", disse.

Pedro Proença mencionou ainda a Federação Portuguesa de Futebol pelo trabalho realizado e que permitiu que a Champions viesse para Lisboa.

"Deixo uma palavra à Federação Portuguesa de Futebol, que revelou, uma vez mais, uma grande capacidade organizativa, que permite colocar Portugal como palco da elite do futebol europeu", concluiu.

Lisboa recebe os jogos dos quartos-de-final, meias-finais e a final da Liga dos Campeões, anunciou esta tarde a UEFA. Os jogos serão disputados numa só mão, a partir do próximo dia 12 de agosto.

Existe ainda a possibilidade, caso os estádios dos anfitriões dos jogos não possam receber as partidas, do Estádio do Dragão e do Estádio D. Afonso Henriques receberem os quatro jogos em falta da 2.ª mão dos oitavos-de-final.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.