O Real Madrid retoma na terça-feira um dos grandes objectivos da temporada, quando receber o Tottenham na abertura dos quartos de final da Liga dos Campeões em futebol, apenas três dias depois de ter “abdicado” do título espanhol.

A derrota sofrida em casa com o Sporting de Gijon (1-0) não sucedia com José Mourinho há nove anos. Passados 150 jogos, o treinador português voltou a perder em casa, o que direcciona o Real Madrid para a “Champions”, prova em que pode voltar a cruzar-se com o FC Barcelona, a caminho do “tri” espanhol.

Não bastasse a “ressaca” do último desaire para a prova interna, o Real Madrid continua a debater-se com vários problemas no plantel, a começar por Cristiano Ronaldo, que falhou o Gijon e ainda não está certo para o confronto com os londrinos.

Ao avançado português juntam-se Karim Benzema, Kaka e Marcelo, todos também com problemas físicos, que também os forçaram a falhar a recepção ao Gijon e, provavelmente, o jogo de terça-feira.

No outro jogo da primeira metade deste arranque dos quartos de final, o detentor do título, o Inter de Milão, também regressa à maior prova europeia ainda de “ressaca” interna, após a derrota em San Siro com o grande rival AC Milan (3-0), que deixou os campeões europeus mais longe da revalidação do troféu italiano.

Mas, para quarta-feira, está reservado o maior dos embates desta eliminatória, que reedita a dramática final de 2008, ano em que foi o Manchester United a erguer o troféu, após um emocionante desempate por grandes penalidades, resolvido por um pontapé torto do capitão do Chelsea, John Terry, depois de ter escorregado na relva.

Se valesse a referência interna para lançar um prognóstico deste confronto inglês, o Manchester United partiria com favoritismo, embalado, e inspirado, com os sete pontos de vantagem sobre a concorrência na liga inglesa (11 sobre o Chelsea, que segue no quarto posto).

Tal como o rival Real Madrid, o FC Barcelona, que pode cruzar-se com os madrilenos nas meias-finais, também defronta nestes quartos de final outro dos “outsiders”, os ucranianos do Shakhtar Donetsk, adversários do Sporting de Braga na fase de grupos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.