Rui Vitória afirmou que foi para a Ucrânia para vencer o jogo da terceira jornada da fase de grupos. O técnico dos ‘encarnados’ revelou que tem muito respeito pela equipa da casa, mas já definiu o mote para o jogo de quarta-feira. O treinador luso vê os jogos como finais e quer regressar às vitórias.

"Todos os jogos são decisivos. O nosso objetivo é vencer. Faltam quatro finais. Temos todos os mesmos pontos. É importante que as finais sejam vistas como tais. Vimos aqui com o maior dos respeito, mas para ganhar. Queremos voltar às vitórias na Liga dos Campeões".

Na conferência de antevisão do jogo com o Dínamo de Kiev, o treinador dos ‘encarnados’, afirmou que não há espaço para erros. No lançamento da partida, Rui Vitória afirmou que é preciso que o Benfica seja muito rigoroso.

"Temos de ser muito rigorosos, muito intensos, minimizar o erro e sermos iguais a nós próprios. Reforçar aqui ou ali certos sectores, mas ser uma equipa personalizada que sabe o que quer fazer. Já temos isso bem assimilados. Quando o árbitro apitar logo veremos, mas o espírito passa por tentar conquistar os três pontos".

Dínamo de Kiev e Benfica enfrentam-se na próxima quarta-feira. Depois de apenas ter conquistado um pontos nas duas primeiras jornadas, a equipa de Rui Vitória está obrigada a ganhar para conseguir manter o apuramento para a próxima fase no horizonte.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.