A UEFA está "confiante" que as fases finais da Liga dos Campeões e da Liga Europa irão avançar sem problema apesar dos recentes casos de COVID-19 no Real Madrid e no Sevilha, disse um porta-voz à Agence France-Presse esta quinta-feira.

O Real Madrid, que anunciou na terça-feira que o avançado Mariano Diaz tinha testado positivo para o COVID-19, joga com o Manchester City, na segunda mão dos 'oitavos' da Champions a 7 de agosto.

O Sevilha, que anunciou na quarta-feira que Nemanja Gudelj tinha contraído o vírus, joga com a Roma num jogo único dos oitavos de final da Liga Europa, em Duisburgo, na Alemanha, no dia anterior.

"Estamos confiantes que estes casos não irão afetar os jogos em questão, em Manchester e Duisburgo, repetivamente. A UEFA está em contacto com o Real Madrid e o Sevilha e está a acompanhar as duas situações e as decisões da autoridades espanholas competentes", disse um porta-voz da organização.

A Liga dos Campeões conclui-se com uma 'final a oito' em Lisboa, depois de completos os 'oitavos'. O Manchester City vence a eliminatória contra o Real Madrid por 2-1 depois da primeira mão, jogada em fevereiro no Santiago Bernabeu.

O Sevilha suspendeu os treinos como precaução, mas os campeões espanhois continuam a preparação uma vez que Mariano Diaz não teve contacto recente com os colegas de equipa.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.