O Comité de Controlo, Ética e Disciplina da UEFA sancionou o Paris Saint-Germain em 98.000 euros pelos incidentes ocorridos contra o AC Milan em Paris, em 25 de outubro, revelou hoje o organismo que rege futebol europeu.

O valor corresponde a uma multa de 75.000 euros pela utilização de material pirotécnico, 18.000 pelo bloqueio de lugares de passagem para o público e 5.000 por invasão de campo. O órgão de disciplina decretou ainda uma interdição parcial do recinto do clube francês num jogo da Liga dos Campeões, que fica suspensa durante dois anos.

Pelo mesmo encontro, referente à terceira jornada da competição, o Milan terá de pagar 20.000 euros por incidentes do público e utilização de engenhos pirotécnicos.

A Real Sociedad foi multada em 3.000 euros pelo acendimento de tochas por parte dos seus adeptos no encontro da terceira jornada, disputado em 24 de outubro, em casa do Benfica.

Já os 'encarnados', que foram multados em 18.750 euros por acendimento de tochas e 11.250 por lançamento de objetos e já tinham ficado proibidos de vender bilhetes no encontro fora de portas frente ao Inter Milão, arriscam-se a sofrer um castigo mais severo por parte da UEFA, após os incidentes ocorridos em casa da Real Sociedad, em jogo da quarta jornada, disputado em 08 de novembro.

Também para a Liga de Campeões, no encontro entre o Antuérpia e o FC Porto, a UEFA multou o clube belga em 20.000 euros por incidentes dos adeptos e a interdição parcial do seu estádio no próximo encontro caseiro da competição. Já os ‘dragões’ foram multados em 35.750 euros pela utilização de material pirotécnico.

Por seu turno, o Sporting de Braga foi multado em oito mil euros pelo acendimento de tochas na receção ao Real Madrid, da terceira jornada.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.