Dois jogos, duas vitórias, cinco golos marcados, um golo sofrido. Sp.Braga e Leicester não podiam estar mais a par na liderança do Grupo G da Liga Europa 2020/21 à entrada para o frente a frente da 3.ª jornada, agendado para as 20h00 desta quinta-feira no terreno do conjunto inglês.

A atravessar um excelente momento, depois de um início de temporada menos conseguido, o Sp.Braga visita o Leicester depois de vitórias sobre AEK (3-0) e Zorya (2-1) nas duas primeiras jornadas do grupo. Já a formação inglesa, onde atua o português Ricardo Pereira, ainda a ultimar a recuperação depois da grave lesão sofrida, começou por bater fez exatamente o contrário: bateu o Zorya por 3-0 e, depois, o AEK por 2-1.

Quinto classificado da Premier League em 2019/20,  garantindo assim a entrada directa nesta fase de grupos da UEFA Europa League, o Leicester disputa pela primeira vez a prova. Esta é, aliás, apenas a quinta presença europeia do clube. A mais bem-sucedida de todas foi a mais recente, em 2016/17, quando na qualidade de campeão de Inglaterra se estreou na UEFA Champions League, vencendo o seu grupo e só parando nos quartos-de-final.

Já o Braga conseguiu a 16ª qualificação europeia nos últimos 17 anos depois de terminar no terceiro lugar na I Liga portuguesa de 2019/20, época em que também venceu o grupo na UEFA Europa League. Finalista vencido da competição em 2010/11, esta é a sexta presença do Braga em grupos da UEFA Europa League, tendo passado à fase a eliminar em quatro das últimas cinco épocas.

Histórico de confrontos

Este vai ser o primeiro embate de sempre entre as duas equipas. Porém, o Braga conta já com uma vasta experiência frente a equipas inglesas nas provas europeias de clubes e os resultados têm vindo a melhorar nos últimos tempos.

O registo do Braga em 20 jogos contra adversários ingleses é de 7 vitórias 3 empates e 10 derrotas. Dessas vitórias apenas duas foram em Inglaterra, a última das quais na época passada, mas nas últimas quatro visitas a solo inglês o Braga apenas perdeu por uma vez, por 3-2 frente ao ManchesterUnited, em Old Trafford, na fase de grupos da UEFA Champions League 2012/13, num encontro em que esteve a ganhar por 2-0; Jonny Evans, agora jogador do Leicester, marcou o golo do empate do United.

Quanto ao Leicster, menos experiente em andanças europeias, já encontrou ainda assim uma equipa portuguesa. O seu único jogo europeu anterior em casa com adversários lusos terminou com uma vitória por 1-0 sobre o Porto, na segunda jornada da UEFA Champions League de 2016/17. No jogo da segunda volta, os ingleses foram depois goleados por 5-0, mas já estavam apurados para os oitavos-de-final como vencedores do grupo.

Momento de forma

O Sp.Braga não teve o melhor dos inícios de temporada, com duas derrotas nas duas primeiras jornadas da I Liga. Porém, desde então só sabe ganhar e leva seis vitórias seguidas no conjunto de todas as provas (quatro para a I Liga, onde já é 3.º da tabela, e duas para a Liga Europa).

O Braga esteve sem perder durante 13 jogos europeus (nos quais somou nove vitórias e quatro empates), até ser batido por duas vezes pelo Rangers na primavera passada. Na fase de grupos da UEFA Europa League, o seu registo fora de casa é de 7 vitórias 6 empates e 3 derrotas, com triunfos nos últimos quatro jogos da fase de grupos fora de Portugal.

Já o Leicester, que ocupa atualmente o 2.º lugar da Premier League, com cinco vitórias e dois empates em sete jornadas, vem também de quatro vitórias seguidas no conjunto de todas as provas. Não perde há sete jogos europeus em casa (5 vitórias e 2 empates) desde uma derrota por 2-0 com o Atlético, na segunda mão da primeira eliminatória da Taça UEFA de 1997/98.

O que dizem os treinadores

Brendan Rodgers, treinador do Leicester: "Todos os jogos são difíceis, o Braga tem uma história grande e consistente, está sempre presente na Liga Europa e iniciou bem a época. Estas equipas estão habituadas a ganhar, o Braga é experiente, tem bons jogadores, é uma equipa muito boa e estamos impressionados com a forma como joga".

Carlos Carvalhal, treinador do Sp.Braga: "Não vamos alterar nada, vamos jogar em função do nosso sistema, que implica ter a bola. O Leicester tem muitos pontos fortes, coletivamente é uma boa equipa, é um grande elogio que faço a Brendan Rodgers, é sem dúvidas um dos grandes treinadores em Inglaterra. Vamos para o jogo de forma destemida e lutar pelos três pontos."

O árbitro

O encontro vai ser dirigido pelo árbitro holandês Bas Nijhuis, que terá como árbitros assistentes os compatriotas Charles Schaap e Rogier Honig. O quarto árbitro será o também holandês Sander Van Der Eijk.

O Jogo

O encontro tem início marcado para as 20h00, no King Power Stadium, em Leicester, Inglaterra. Poderá acompanhar aqui, AO MINUTO, todas as incidências da partida.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.