Após a chegada da comitiva leonina à capital alemã, com cinco horas e meia de atraso, devido a uma avaria no avião que obrigou ao regresso a Lisboa, O técnico afirmou que, apesar de a qualificação e a vitória no Grupo D estarem asseguradas, o objectivo é conquistar os três pontos.

Carvalhal recusou comparações com o mau momento que o Sporting atravessa no campeonato nacional, que culminou com a derrota em casa frente ao União de Leiria (1-0), no fim de semana, e fez questão de sublinhar que os “leões” querem apresentar-se num palco europeu com atitude ganhadora.

“São competições diferentes, o jogo em Berlim é para disputar, vale três pontos, e é o prestígio do Sporting que está em causa”, assumiu Carvalhal.

O treinador leonino admitiu, simultaneamente, que tem de fazer uma gestão do plantel com vista à partida frente à Naval, no sábado, e de encontrar as melhores soluções, até porque o tempo de recuperação entre as duas partidas é escasso.

“Queremos, de qualquer forma, apresentar um ‘onze’ competitivo contra o Hertha e também contra a Naval”, sublinhou.

No que se refere à ausência de Liedson, o técnico do Sporting lembrou que o avançado luso-brasileiro já tem dois cartões amarelos na Liga Europa, e um terceiro em Berlim impediria que jogasse na fase seguinte.

“Liedson só viria se este jogo tivesse importância capital para o apuramento”, explicou Carvalhal.

Quanto ao equatoriano Caicedo, limitou-se a assinalar que “alguém tinha de ficar de fora”, recusando-se a revelar se a decisão significa que já não conta com o avançado para o resto da temporada.

O médio defensivo Adrien, também presente na conferência de imprensa, confessou que a viagem até Berlim ficou marcada pelo incidente da avaria do avião, que obrigou a comitiva a regressar a Lisboa e apanhar mais tarde outro avião.

Adrien admitiu que a situação apanhou os jogadores de surpresa, mas garantiu que ela não irá afectar o seu rendimento.“O problema foi resolvido da melhor maneira, vamos descansar para poder entrar bem amanhã, o cansaço não serve de desculpa”, disse.

O jogador de ascendência francesa garantiu que o objectivo do Sporting em Berlim será ganhar o encontro frente ao Hertha e admitiu também estar agora “mais confiante”, por ter tido ultimamente mais oportunidades de jogar sob a direcção de Carlos Carvalhal.

O Sporting treinou hoje à noite no Estádio Olímpico de Berlim, que será palco do encontro, na quarta-feira, às 19:00 locais (18:00 de Lisboa), com temperaturas que deverão rondar os cinco graus centígrados abaixo de zero.

O Hertha Berlim, em segundo lugar no grupo, precisa pelo menos de um empate para garantir a passagem aos dezasseis avos de final.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.