A equipa cipriota do Apollon, orientada pelo treinador português Pedro Emanuel, qualificou-se hoje para a terceira pré-eliminatória da Liga Europa de futebol ao empatar sem golos na Lituânia frente ao Trakai.

A goleada (4-0) infligida pelo Apollon na primeira mão em Chipre constituía margem folgada para a equipa de Pedro Emanuel visitar a Lituânia sem grandes sobressaltos e poder gerir a vantagem, como acabou por se confirmar.

Pela equipa do Apollon foram titulares três portugueses, o guarda-redes Bruno Vale, ex-FC Porto, Jaime, ex-Beira-Mar, e João Pedro, ex-Moreirense, que alinharam ao longo dos 90 minutos.

O Apollon ira defrontar na terceira pré-eliminatória a equipa do Qabala, do Azerbeijão, que eliminou os sérvios do Cukaricki ao vencer em casa por 2-0, depois de ter sido derrotado ma primeira mão por 1-0.

De destacar nesta segunda pré-eliminatória da Liga Europa as tremendas dificuldades que o West Ham, da I Liga inglesa, sentiu para ultrapassar a modesta equipa de Malta, o Birkirkara, terceiro classificado do último campeonato maltês.

Na primeira mão os ingleses não foram além de uma vitória tangencial por 1-0 e hoje só conseguiram lograr o apuramento na série de penáltis após prolongamento.

No final do tempo regulamentar o Birkirkara vencia por 1-0, graças a um golo do ex-benfiquista Fabrizio Miccoli, hoje com 36 anos, o que forçou ao recurso a um prolongamento, ao fim do qual o resultado não se alterou.

De referir que o West Ham jogou toda a segunda parte e o prolongamento com menos um jogador devido à expulsão do defesa James Tomkins.

De destacar ainda a goleada por 9-2 que os húngaros do Debrecen aplicaram ao Skonto, da Letónia, depois de na primeira mão, em Riga, ter-se registado um empate a dois golos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.