O antigo médio do Sporting Pedro Mendes considera que a eliminatória da Liga Europa com o Wolfsburgo não vai ser tarefa fácil, mas acredita na passagem dos 'leões' aos oitavos de final.

Em 2009/10, Pedro Mendes fez parte da equipa leonina que se apurou pela primeira vez para os 16 avos de final da Liga Europa, tendo então defrontado, e eliminado, o Everton.

Se no primeiro jogo, em Inglaterra, os leões, então treinados por Carlos Carvalhal, perderam por 2-1, em Alvalade, na segunda mão, derrotaram sem apelo a equipa de Liverpool por 3-0, com Pedro Mendes a ter papel ativo, ao marcar o segundo golo.

"Jogar em Inglaterra é sempre complicado, mas fizemos um jogo bem conseguido, apesar de não termos conseguido vencer. Depois, em casa, o jogo foi todo nosso. Fizemos um grande jogo e marcámos três golos", recordou à agência Lusa.

O médio esteve em destaque ao marcar o segundo tento, "um remate de fora da área, depois de uma assistência do Izmailov", lembra.

Para quinta-feira, o ex-internacional português não augura facilidades para a antiga equipa, mas acredita no seu potencial e no apuramento do Sporting, valorizando o facto de os leões jogarem a segunda mão em casa.

"Não atribuo o favoritismo ao Wolfsburgo, acho que vai ser muito dividido, mas eles estão muito bem no campeonato alemão (segundos classificados), têm uma grande equipa e não vai ser nada fácil para o Sporting", disse.

Para Pedro Mendes, a estratégia passa por "fazer o melhor resultado possível" na Alemanha, para depois poder fazer uso do fator casa na semana seguinte.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.