Rodrigo Moreno, antigo jogador do Benfica agora ao serviço do Valência, já sabe o que é ter estado em finais europeias. O clube 'che' tem tarefa difícil para alcançar a final da Liga Europa (perdeu por 3-1 na primeira mão em casa do Arsenal), mas em Espanha já se coloca na mesa essa possibilidade.

Em entrevista ao jornal Superdeporte, o internacional espanhol recordou, com tristeza, as finais perdidas com o clube da Luz.

"Espero que sim. As duas que joguei com o Benfica foi com o Garay como companheiro de equipa. Quando saí do Benfica sempre disse que o que tinha mais pena foi de não ter conseguido levantar um título europeu. Essas finais foram as oitava e nona que perdiam... Já não ganhavam há muitos anos, muitas décadas", lembrou o avançado, de 28 anos.

Em relação ao encontro da segunda-mão contra o Arsenal, na qual o Valência terá de anular o 1-3 para se apurar, Rodrigo Moreno acredita que a equipa tem a oportunidade de seguir em frente.

"Há que entrar em campo com vontade de ganhar, mas sobretudo tendo cabeça e tranquilidade. Os golos podem chegar a qualquer altura e sabemos que se eles marcarem tudo se complicará. O Arsenal é uma equipa muito boa, mas nós também. Será um jogo bonito e vamos certamente ter as nossas chances", concluiu.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.