Maurizio Sarri estava satisfeito pelo apuramento do Chelsea para a final da Liga Europa, mas não ficou contente com a entrada da sua equipa na segunda parte.

"Penso que jogámos muito bem na primeira parte, com muita dinâmica, mas não conseguimos concretizar. Colocámo-nos em dificuldades após o intervalo e sofremos um golo em dez minutos de pânico. O Eintracht Frankfurt aproveitou-se disso e no segundo tempo acabámos por ficar sem combustível. Restou-nos aguentar durante o prolongamento. Para quem não é adepto acredito que tenha sido muito divertido, mas na linha lateral sofreu-se muito", começou por dizer o técnico italiano.

"Há muitas competições em Inglaterra, se não este domínio inglês na Europa era ainda maior e mais efetivo. Os jogadores chegam a esta fase já exaustos depois de chegarem longe na Taça da Liga e Taça de Inglaterra", concluiu.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.