Declarações de Sérgio Conceição, treinador do FC Porto, à Sport TV, após o triunfo frente à Lazio (2-1), no Estádio do Dragão, da 1.ª mão do 'play-off' de acesso aos oitavos de final da Liga Europa.

Com que objetivo apresentou algumas alterações no onze?: "Com o objetivo de ganhar o jogo."

Análise ao jogo: "Houve momentos interessantes na primeira parte, mas mais na segunda. Houve uma má interpretação e aqui poderei ter sido eu o culpado pela interpretação do jogo. Criámos muito mais do que o adversário, um adversário com qualidade, com jogadores e um treinador muito experiente. A eliminatória está a meio. Temos de estar preparados. Há um jogo na quinta-feira, vai ser difícil em Roma, frente a uma equipa com qualidade."

Mudanças ao intervalo: "Quando falo de alguns momentos em que não estivemos bem, tem a ver com a missão coletiva. O Fábio e o Grujic estavam amarelados, decidi dar velocidade na ala com Galeno. Sempre que cumprimos com aquilo que trabalhamos somos uma equipa muito forte nesse momento do jogo."

Titularidade de Toni Martinez: "Temos de olhar para o estado físico dos jogadores. O Evanilson tem jogado de forma consecutiva, o Mehdi também. temos um grupo competitivo, em que todos eles trabalham de forma a marcar presença no onze, depois cabe-me a mim escolher, em função do adversário. Vamos ter uma batalha difícil em Moreira de Cónegos. Para lhe dar a titularidade é porque tenho a mesma confiança que tenho no Evanilson e no Taremi."

FC Porto é candidato a vencer a Liga Europa?: "Nós somos candidatos a ganhar sempre o próximo jogo. Somos um clube que tem pergaminhos na Europa. A partir desse momento não vale a pena pensar no objetivo final quando ainda temos muitas batalhas pela frente, para, no final, festejarmos vitórias e não títulos."

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.