Depois de ter vencido o FC Bruges por robusto 4-1, o conjunto ucraniano repetiu o resultado, desta vez na recepção ao Partizan de Belgrado e lidera a "poule", com seis pontos, mais dois do que o Toulouse e cinco que os sérvios, enquanto os belgas ainda não pontuaram.

Nos duelos entre equipas da capital de Itália e da Bulgária, os conjuntos transalpinos foram mais fortes e conseguiram as primeiras vitórias, com a AS Roma a vencer o CSKA Sófia (2-0), no agrupamento E, e a Lazio a derrotar o Levski Sófia (4-0), na "poule" G.

O Salzburgo voltou a surpreender e, depois de ter vencido a Lazio na primeira jornada, bateu o Villarreal, por 2-0, e assumiu a liderança.

O Lille conseguiu a goleada da ronda, ao vencer fora o Slavia de Praga, por 5-1, num Grupo B em que o Valência bateu o Génova, por 3-2.

Após seis vitórias consecutivas, o Benfica perdeu no terreno do AEK de Atenas, por 1-0, caindo para a terceira posição do Grupo I, com três pontos, os mesmos que os gregos, e menos três do que o líder Everton, vencedor por 2-1 do embate com o BATE Borisov, na Bielorrússia.

Em Alvalade, mesmo sem fazer uma grande exibição, o Sporting regressou aos triunfos, após o desaire por 1-0 no estádio do FC Porto, para a Liga portuguesa, ao bater o Hertha de Berlim, também por tangencial 1-0, mantendo a liderança isolada da "poule" D.

Apesar de ter estado em vantagem, o Nacional da Madeira acabou por ceder um empate a uma bola na deslocação ao terreno do Áustria de Viena, ficando a cinco pontos do Werder Bremen, finalista vencido da Taça UEFA, e a dois do Athletic de Bilbau.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.