O Sporting vai perdendo por 1-0 ao intervalo da partida com o Viktoria Plzen, mas continua em vantagem para assegurar um lugar nos quartos de final da Liga Europa.

No seu 50.º jogo na Liga Europa, Jorge Jesus fez regressar Bas Dost à titularidade, deixando no banco Fredy Montero, autor dos dois golos na primeira mão em Alvalade. O técnico ‘leonino’ elegeu Battaglia para fechar o flanco direito da defesa, puxando ainda Petrovic para o onze inicial, em virtude da ausência de William por castigo.

Logo ao minuto seis, o Viktoria Plzen chegou à vantagem através de Marek Bakos: canto cobrado à maneira curta para Jan Kovarík, que cruza para a área onde surge o capitão a saltar mais alto que Coentrão e a bater Rui Patrício.

O Sporting, mais intranquilo depois deste golo madrugador, mostrava dificuldades em ter bola e em sair para o ataque. Aos 17’, Gelson cruzou da direita à procura de Bas Dost, mas com demasiada força. Cerca de dez minutos depois, Acuña tirou um cruzamento bem medido da esquerda, mas o holandês não chegou a tempo de fazer o desvio.

Apesar de estar em vantagem na eliminatória, as coisas continuavam a não correr bem à formação de Jorge Jesus. Que o diga Bryan Ruiz, protagonista da melhor oportunidade dos 'leões' na primeira parte: servido por Bas Dost, o costarriquenho estava completamente sozinho na área mas atirou ao lado.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.