Rafael Benitez é um técnico com uma vasta experiência em finais europeias. O Chelsea, atual campeão europeu,  defronta o Benfica em Amesterdão naquela que será a quinta final europeia dos ingleses. O técnico espanhol já admitiu que na próxima época não irá continuar a treinar o Chelsea e confessou que gostaria de sair com um troféu europeu.

«Sou um profissional, quero fazer sempre o melhor pelo clube que represento e quero ganhar. Ficarei muito orgulhoso se ganhar. É sempre importante vencer troféus», afirmou Benitez na conferência de imprensa de antevisão da final da Liga Europa.

O adversário dos londrinos procuram quebrar uma maldição com mais de cinquenta anos e nem o favoritismo atribuído ao Chelsea deixa Rafael Benitez deslumbrado. O técnico espanhol frisou a importância de chegar à final com o apuramento para a Liga dos Campeões e teceu rasgados elogios ao adversário.

«Jorge Jesus é um bom treinador e o Benfica é uma boa equipa.  Eles podem fazer mudanças, mas no fim depende tudo dos jogadores em campo. Uma final é sempre diferente. O mais importante é ter confiança», relembrou Benitez sobre a sua experiência em finais europeias.

Em relação à disponibilidade de Hazard e John Terry para o jogo de amanhã, Rafael Benitez confirmou a indisponibilidade do extremo belga e deixou em aberto a utilização do capitão inglês.

J«ohn Terry ainda estamos a ver, mas decidimos amanhã. Não é fácil, temos de esperar por amanhã. Em relação ao Hazard confirmo que não jogará a final», afirmou Benitez.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.