O treinador da Roma, o português Paulo Fonseca, lamentou esta quinta-feira os contratempos sofridos diante do Manchester United e assumiu ser “quase impossível” inverter a goleada (6-2) sofrida na primeira mão das meias-finais da Liga Europa de futebol.

“Foi difícil, sobretudo na segunda parte. Fizemos uma boa primeira parte, mas tivemos tantos problemas, com muitos jogadores lesionados e isso impediu-nos de fazer substituições na segunda parte”, afirmou o técnico dos romanos após o jogo, em declarações ao canal BeIn Sports.

Paulo Fonseca referia-se às lesões de Jordan Veretout, Leonardo Spinazzola e do guarda-redes Pau López, que obrigaram o técnico a esgotar os três períodos para fazer substituições ainda na primeira parte.

“O Manchester United foi mais forte e nós não reagimos, não existimos na segunda parte e terminámos o jogo em dificuldades. Quando não se tem qualquer possibilidade de fazer substituições na segunda parte, diante de uma equipa como o Manchester United, torna-se muito complicado”, reforçou.

O técnico considerou ainda que o penálti concedido ao Manchester United, que permitiria a Bruno Fernandes fazer o 4-2 para os ‘red devils’, foi “um erro do árbitro, ainda por cima num momento crucial do jogo”.

Por outro lado, foi perentório quanto às hipóteses de a Roma inverter a desvantagem e o destino da eliminatória: “Vai ser muito difícil. Honestamente, face a este resultado, é quase impossível conseguir algo.”

O Manchester United venceu esta quinta-feira a Roma por 6-2 e tem ‘pé e meio’ na final da prova.

Bruno Fernandes, aos nove e 71 minutos, o segundo de grande penalidade, Edinson Cavani, aos 48 e 64, Paul Pogba, aos 75, e Mason Greenwood, aos 85, assinaram os tentos dos ingleses, enquanto Lorenzo Pellegrini, aos 14, de penálti, e Edin Dzeko, aos 33, marcaram para os italianos.

Na outra meia-final, os espanhóis do Villarreal bateram o Arsenal por 2-1, com golos de Manu Trigueiros, aos cinco minutos, e Raúl Albiol, aos 29, cabendo ao costa-marfinense Nicolas Pépé reduzir para os ‘gunners’, aos 73, de grande penalidade.

Os jogos da segunda mão das meias-finais da Liga Europa jogam-se na próxima quinta-feira, dia 06 de maio, ambos às 20:00 (hora de Lisboa).

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.

Ajude-nos a melhorar o SAPO Desporto