Depois de a sua saída ter sido avançada como um dado adquirido e de o próprio ter anunciado aos jogadores que iria deixar o comando técnico do Bordéus, Paulo Sousa deverá, afinal, continuar ao leme do clube na próxima temporada

Segundo relata a imprensa francesa esta quinta-feira, mais concretamente o site noticioso 20minutes.fr, o treinador português teria dado conta à direção do clube dessa sua vontade de sair, face às dificuldades que lhe estavam a ser colocadas com vista à preparação da próxima temporada, mas desde então não não foram iniciadas quaisquer negociações com vista à rescisão do contrato.

Pelo meio, Paulo Sousa chegou mesmo a ser apontado como hipótese para orientar o Benfica na próxima época, mas agora, perante o apoio que encontrou junto dos jogadores, e face às dificuldades em chegar a acordo com a direção para a rescisão do vínculo, que dura até 2022, Paulo Sousa terá repensado a decisão e estará agora focado na preparação da nova temporada, nem coloca a hipótese de rumar a outras paragens.

Paulo Sousa deverá desta forma, garante a mesma publicação, estar, salvo novo volte-face na situação, no banco do Bordéus para defrontar o Nantes no arranque da nova temporada da Ligue 1, no fim-de-semana de 22 e 23 de agosto.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.