O Comité de Recurso da Federação Francesa de Futebol (FFF) anulou hoje a pena de subtração de dois pontos aplicada ao Mónaco, mas manteve o castigo de um jogo à porta fechada.

A dedução de pontos ao Mónaco foi determinada devido ao facto de adeptos do clube do Principado terem lançado foguetes e invadido o relvado durante um jogo da II Liga francesa contra o Le Mans, a 17 de maio último.

Inclusivamente, um adepto do Mónaco chegou a atacar o árbitro, depois de o clube ter assegurado a subida à Liga principal. Na altura, o Mónaco foi bastante crítico em relação à sanção que lhe foi aplicada, por considerá-la «excessivamente dura e desproporcionada».

A equipa em que alinham os portugueses João Moutinho e Ricardo Carvalho estreou-se no sábado na I Liga com uma vitória por 2-0, em casa do Bordéus.

A FFF fez, ainda, saber, que o castigo de jogar uma partida à porta fechada terá efeitos no próximo jogo da I Liga, na receção ao Montpellier, no domingo.

Por outro lado, o organismo máximo do futebol gaulês informou, também, que o Nantes foi castigado com um jogo à porta fechada, depois de adeptos deste clube terem lançado foguetes e invadido o relvado durante a partida da II Liga, frente ao Sedan, também a 17 de maio.

O Nantes já tinha sido previamente punido com uma multa de 25 mil euros, mas a pena foi anulada na sequência do recurso apresentado pelo clube.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.