Está longe de ser assunto encerrado a polémica entre Neymar e Cavani, durante a vitória do PSG sobre o Lyon para a Liga Francesa. O jogo ficou marcado por um desentendimento entre o uruguaio e o brasileiro, por causa da marcação de uma grande penalidade que o ex-Barcelona queria bater.

Esta sexta-feira o caso voltou à ribalta por causa de Dario Silva. O antigo internacional uruguaio foi muito duro nas palavras para com Neymar.

"Se Neymar fizesse comigo o que fez com Cavani, estaria a ser operado", disse o antigo internacional da ´Celeste`, em declarações à Rádio Marca.

O jogo em referência, da 6.ª jornada disputou-se a 17 de setembro. Os dois jogadores entraram em disputa sobre quem iria marcar um uma grande penalidade. Daniel Alves esteve metido no lance, mas para dar a bola a Neymar. Acabou por ser Cavani a bater, mas Anthony Lopes defendeu o castigo máximo.

Depois disso os dois quase que entraram em vias de facto no balneário, de acordo com relatos do jornal francês ´L´Equipe`. Na altura o jornal escreveu que houve muita tensão no balneário após a partida com o Lyon e os dois jogadores só não se agrediram porque houve a intervenção de alguns colegas de equipa, como Thiago Silva e Marquinhos. Tudo se passou depois do dianteiro uruguaio ter confrontado o brasileiro sobre as situações que ocorreram dentro de campo.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.