O Lyon venceu hoje por 3-2 em casa do Mónaco, para a 35.ª jornada da liga francesa de futebol, liderada pelo Lille, num jogo com reviravolta no marcador, que terminou em confusão e confrontos no relvado.

O Mónaco chegou à vantagem pelo alemão Kevin Volland (1-0), aos 25 minutos, mas o Lyon, com o guarda-redes português Anthony Lopes a titular, deu a volta com golos do holandês Memphis Depay (1-1), aos 57, e do brasileiro Marcelo (1-2), aos 77.

Ben Yedder empatou a 2-2 na conversão de um penálti, aos 86 minutos, a punir uma saída imprudente de Anthony Lopes, que no lance seguinte negou o golo por duas vezes, e aos 89, um minuto depois de entrar em campo, Mathis Cerki fez o golo da vitória do Lyon.

O encontro, que foi disputadoa um ritmo frenético, terminou com alguns desacatos no relvado. Viram o cartão vermelho, já depois do apito final, o italiano Mattia de Sciglio, do Lyon, e o italiano Pietro Pellegri e Williem Geubels, do Mónaco.

A formação monegasca, que não perdia e não sofria golos para a Liga há seis jogos, segue no terceiro lugar, com 71 pontos, a cinco do líder Lille, mas viu o Lyon, que é quarto, com 70, ficar mais próximo, com três jornada por disputar.

Na zona tranquila da tabela gaulesa, o Saint-Étienne venceu por 2-1 em casa do Montpellier, que marcou primeiro por Andy Delort, aos seis minutos, mas sofreu a reviravolta com golos de Romain Hamouma, aos 16, e Mathieu Debuchy, aos 50.

O Montpellier ocupa o oitavo lugar, com 47 pontos, enquanto o Saint-Étienne é 12.º, com 42.

O Bordéus venceu por 1-0 o Rennes, com um golo de Sékou Mara, aos 11 minutos, e somou três preciosos pontos na fuga ao último terço da classificação do campeonato gaulês.

Com a derrota no terreno dos ‘girondinos’, que seguem no 15.º posto, com 39 pontos, o Rennes, que é sétimo, com 54, atrasou-se e desperdiçou a oportunidade de atacar o quinto lugar europeu do Lens, que soma 56.

O Nantes venceu em casa do Brest, por 4-1, e manteve acesa a hipótese de ainda fugir, nas três jornadas que faltam (envolvendo a disputa de nove pontos) aos lugares indesejáveis de despromoção ou de acesso ao ‘play-off’ de permanência.

Moses Simon, aos 15 minutos, Ludovic Blas, aos 27, Imran Luza, aos 56, e Kalifa Coulibaly, aos 62, de grande penalidade, foram os marcadores dos golos do Nantes, que segue no 18.º lugar, que dá acesso ao ‘play-off’ de permanência, com 34 pontos.

O Brest segue no 14.º lugar, com 40 pontos, com seis de vantagem sobre a linha crítica da tabela classificativa gaulesa.

O Lorient venceu por 2-0 na receção ao Angers, do português Mathias Lage, com golos de Yoane Wissa, aos 44 minutos, de grande penalidade, e Fabien Lemoine, aos 48, e amealhou mais três pontos na fuga aos lugares de despromoção.

O Angers, que somou o sétimo jogo consecutivo na liga gaulesa sem vencer (com cinco derrotas e dois empates), ocupa o 13.º posto, com 41 pontos, enquanto o Lorient é 17.º, com 38, sendo a primeira equipa acima da ‘linha vermelha’.

Nimes e Reims empataram 2-2, numa partida em que a alternância foi uma constante no marcador. O Reims chegou à vantagem por Nathanaël Mbuku, aos 30, o Nimes deu a volta por Renaud Ripart, aos 47, e Moussa Koné, aos 71, mas o empate surgiu por Alexis Flips, aos 80.

Sem vencer há cinco jogos, o Nimes mantém-se na luta à fuga aos lugares de despromoção, que ocupa presentemente, no 19.º e penúltimo posto, com 32 pontos, enquanto o tranquilo Reims é 11.º, com 42.

O Metz impôs-se com uma goleada por 5-1 em casa do lanterna-vermelha e já virtual despromovido Dijon, com golos de Mamadou Gueye, aos 37 minutos, Pape Sarr, aos 42, Foud Chafik, aos 71 na própria baliza, Vágner, aos 82, e Dylon Bronn, aos 85.

O Dijon, que ficou reduzido a 10 por expulsão do kosovar Bersant Celina, aos 43 minutos, e ainda reduziu por Mama Baldé, aos 48 minutos, segue no último lugar da tabela classificativa, com 18 pontos, enquanto o Metz ocupa o nono posto, com 46.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.