Thierry Henry partilhou o balneário com Lionel Messi no Barcelona, pelo que é alguém que conhecem bem o argentino. No PSG, o craque argentino tarda em convencer mas, para o antigo internacional francês, a culpa não é dele.

"Ele está isolado, está a tocar menos na bola. Eu não diria que ele está triste, mas está isolado. Eu prefiro-o no meio. Temos de encontrar algo para eles [Messi, Mbappé e Neymar] brincarem juntos. Não creio que Messi possa fazer a diferença na direita", começou por dizer o antigo internacional francês, no 'Prime Video'.

Na opinião de Henry, o técnico Mauricio Pochettino tem a equipa demasiado desenhada para Mbappé.

"Messi não fala muito, fala com a bola. Mas por agora, é a equipa da Mbappé . É especialmente o Mbappé que a faz brilhar. A bola vai mais para o Kylian. A dada altura, tem de haver apenas um condutor e, nesta equipa, há demasiados condutores", atirou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.