O Mónaco oficializou este domingo a chegada do treinador croata Niko Kovac para o lugar do espanhol Robert Moreno. Kovac, antigo treinador do Bayern Munique, assinou com o conjunto monegasco, onde atua o portugues Gelson Martins, um contrato válido por três temporadas, com mais uma de opção.

"Estamos muito satisfeitos por dar as boas-vindas ao Niko Kovac. Esta época vai representar o início de um novo ciclo no Mónaco, com um projeto desportivo alinhado com os objetivos do clube. Estou convencido de que a experiência de Kovac e a sua personalidade serão muito importantes para nós", afirmou Oleg Petrov, dirigente do clube do Principado.

“O Niko é reconhecido pelo seu trabalho nas seleções como nos clubes, na progressão de jovens talentos, na gestão de jogadores feitos e na capacidade de obter resultados muito bons”, acrescentou o dirigente.

Já o novo diretor desportivo do clube, Paul Mitchell, destacou “a energia, maneira de trabalhar e visão do jogo” que fazem do croata “o treinador que o clube precisa para afirmar as suas ambições e construir bases sólidas para permitir que ele alcance um sucesso duradouro”.

Antes, o AS Mónaco tinha também oficializado a saída de Roberto Moreno e adiantou que o treinador espanhol, que tinha contrato até 2022, foi “informado da decisão no sábado”.

Niko Kovac, de 48 anos, volta desta forma ao ativo depois de ter deixado na primeira metade da presente época o leme do Bayern, por quem tinha na época anterior conquistado o título de campeão alemão, a Taça da Alemanha e a Supertaça alemã.

Como treinador, o antigo internacional croata orientou também a equipa B do Red Bull Salzburgo, as seleções sub-21 e principal da Croácia e o Eintracht Frankfurt.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.