O Paris Saint-Germain, com os futebolistas portugueses Danilo e Nuno Mendes, empatou hoje sem golos na receção ao Nice, na 16ª jornada da Liga francesa, na qual a surpresa foi a derrota caseira do Lyon.

A equipa parisiense, com Messi, Mbappé e Di María no ataque, visto que Neymar está lesionado, não conseguiu desmontar a organização defensiva do Nice, mas conserva um avanço considerável de 12 pontos sobre o segundo classificado, o Marselha.

A partir do minuto 77, o técnico do PSG recuou Danilo do meio-campo para central, ao lado de Marquinhos, após a saída de Presnel Kimpembe, que fazia dupla com o brasileiro.

De destacar a derrota do Lyon, em casa, com o internacional português Anthony Lopes na baliza, perante o Reims, que venceu, surpreendentemente por 2-1, e os triunfos do Marselha e do Lille em Nantes e Rennes, por 1-0 e 2-1, respetivamente, além do empate a dois golos na receção do Clermont aos Lens. Renato Sanches e Xeka foram os marcadores de serviço na vitória do Lille.

Horas antes, o Mónaco, com o internacional português Gelson Martins no ‘onze’, foi a Angers vencer por 3-1, e subiu ao sétimo lugar, com 23 pontos.

A equipa monegasca chegou ao intervalo a vencer por 2-0, com golos do avançado holandês Myron Boadu, aos 25 minutos, e do médio Sofiane Diop, aos 45, mas na segunda parte o seu guarda-redes, o alemão Alexander Nubel, fez um autogolo, aos 55, o que reabriu a discussão do resultado para o Angers, com a partida a só ficar resolvida com o terceiro golo do Mónaco, aos 73, pelo central Axel Disasi.

O internacional português Gelson Martins foi substituído pelo avançado Wilson Isidor, aos 90 minutos, enquanto o seu compatriota Pereira Lage foi lançado em campo pelo técnico do Angers, aos 70, a render o médio Enzo Ebosse.

Por seu lado, o Brest recebeu e venceu o Saint-Étienne, por 1-0, o Montpellier foi a Metz bater a equipa local por 3-1, o Estrasburgo goleou o Bordéus em casa por 5-2, enquanto o Troyes se impôs na receção ao Lorient, por 2-0.

O Paris Saint-Germain lidera a prova com 41 pontos, seguido do Marselha, com 29, do Rennes, com 28, do Nice, com 27 e do Lens, com 26.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.