Cerca de 20 pessoas ficaram feridas e sete foram detidas na noite e na madrugada de domingo, em Lille, durante as celebrações pela conquista do título francês de futebol, que levaram milhares de adeptos às ruas da cidade.

Apesar de o recolher obrigatório vigorar em França entre as 21:00 e as 06:00, devido à pandemia de covid-19, o centro de Lille foi invadido por milhares de pessoas cerca das 22:30, pouco depois de ter terminado o jogo com o Angers, da 38.ª e última jornada da Liga francesa, que a equipa da cidade venceu por 2-1.

Veja as imagens

De acordo com as autoridades locais, uma das pessoas foi detida sob a acusação de tentativa de homicídio, por ter tentado atropelar agentes policiais, três por arremesso de objetos, duas por terem ateado fogo a caixotes do lixo e uma por posse de engenhos pirotécnicos.

As tentativas das forças de segurança para manter a integridade do cordão policial e impedir o acesso à Grand’Place revelaram-se insuficientes para evitar que os adeptos invadissem um dos espaços mais emblemáticos da cidade e prosseguirem os festejos.

O conjunto no qual alinham os portugueses José Fonte, Renato Sanches, Tiago Djaló e Xeka, sagrou-se pela quarta vez campeão francês, com um ponto de vantagem sobre o Paris Saint-Germain, que tinha conquistado sete dos últimos oito campeonatos anteriores.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.