A delegação alemã explicou que Low e o jogador que estavam previstos falar à imprensa, segundo as indicações da FIFA, não o podiam fazer devido a um “horário muito apertado” entre o final do treino de hoje e a conferência.

Face à situação, a imprensa questionou Kopke se esta impossibilidade não se deveria ao facto de a Alemanha, tal como a Inglaterra, não terem podido treinar no palco do jogo, de modo a preservar o relvado.

“Não, não é um protesto. Não tínhamos tempo para vir e queríamos, mas acima de tudo temos que nos preparar (para o jogo)”, justificou Andreas Kopke.

A Alemanha treinou hoje no centro universitário de tecnologia de Bloemfontein, um local perto do Free Stadium, onde no domingo, pelas 16:00 (15:00 de Lisboa), defronta a Inglaterra, em jogo dos oitavos de final do Mundial.

Na sessão de trabalho esteve o médio Bastian Schweinsteiger, que tinha saído aos 81 minutos do jogo com o Gana devido a problemas musculares, mas que hoje fez os mesmos exercícios que os colegas nos 15 minutos abertos à imprensa e apesar de ter uma protecção no gémeo direito.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.