Para Rafael Marques, prospector do clube da Luz, a jornada de captação de talentos permite ao Benfica o contacto com jovens futebolistas “numa região com um nível interessante” de praticantes, através do Paris Université Club (PUC).

“A França tem uma grande tradição na formação de jogadores e o PUC surge como referência na região de Paris. Ao mesmo tempo, interessa ao Benfica, sendo um clube internacional e mundial, encontrar jogadores em todo o lado”, salientou Rafael Gomes, prospector do clube da Luz.

“Em qualquer altura, é possível um ou dois jogadores representarem as selecções nacionais”, explicou hoje Rafael Gomes à Agência Lusa no estádio de Charlety, no sul de Paris, junto à Cidade Universitária Internacional.

É o segundo ano em que o Benfica realiza jornadas de prospecção de futebolistas em Paris, no seguimento de um protocolo assinado em 2006 entre o presidente do clube da Luz, Luís Filipe Vieira, e o presidente delegado do PUC, Jean-Marc Lafont.

Entre 150 a 200 jovens praticantes de futebol passarão hoje e amanhã pelo estádio Charlety, desde os praticantes mais pequenos, nascidos em 2002, até aos jovens nascidos em 1992.

“Não é apenas o resultado directo da prospecção que nos interessa mas a concretização de uma educação pelo desporto como educação para a vida”, salientou Jean-Marc Lafont à Lusa.

“Nesse aspecto, a filosofia do PUC é muito parecida com a do Benfica e é natural que os dois clubes cooperem na área da formação”, acrescentou o presidente do PUC.

Jean-Marc Lafont realçou que o PUC, que reúne actualmente praticantes de 32 nacionalidades diferentes, “é um clube centenário de grandes tradições”, fundado em 1906, apenas dois anos mais novo do Sport Lisboa e Benfica.

"Em Paris, a prospecção é mais fácil com a comunidade portuguesa que existe na região”, frisou Rafael Gomes, referindo que existe a possibilidade de jovens futebolistas da Luz poderem realizar um torneio com o PUC.

Rafael Gomes sublinhou também que “já é normal” que futebolistas que jogam em França mas têm outras nacionalidades participem de selecções de outros países. Exemplo disso é o jogador francês de origem portuguesa Rafael Dias, que deverá participar no estágio da selecção portuguesa de Sub-19 para o europeu da categoria.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.