Japão ou Paraguai farão terça-feira história, quando uma das selecções se qualificar pela primeira vez para os quartos de final de um Mundial de futebol, em jogo a disputar no estádio Loftus Versfeld, em Pretória.

O vencedor do encontro entre asiáticos e sul-americanos pode encontrar-se com Portugal nos “quartos”, caso a equipa lusa ultrapasse, também na terça-feira, a Espanha.

Depois de ter conseguido vencer o grupo, no qual a Itália, campeã em título, foi eliminada, o Paraguai procura agora acabar com a “maldição dos oitavos”.

Desde 1986, os sul-americanos marcaram presença três vezes nos “oitavos”, tendo perdido todas.

“Este jogo tem para nós uma grande carga histórica. Sentimo-nos mais fortes que nunca. O importante não é saber quem marca, é marcar. Temos qualidade para chegar aos ‘quartos’”, afirma o avançado Roque Santa Cruz.

Para o seleccionador do Paraguai, Gerardo Martino, a grande preocupação é a velocidade dos nipónicos: “Temos que fazer do Japão uma equipa lenta. Não permitir que sejam rápidos como têm sido. Para isso, temos de controlar a bola e não a perder em sítios perigosos”.

Os japoneses, segundos no grupo atrás da poderosa Holanda, prometem não ser um adversário fácil, com um futebol ofensivo, liderado pelo avançado Keisuke Honda.

O seleccionador nipónico Takeshi Okada garante que a chave do sucesso está no espírito de equipa: “Estamos agora no grupo das equipas mais fortes, mas o nosso segredo é a união”.

“O Paraguai é mais um obstáculo, mas, desde o início, temos passado uns atrás dos outros”, refere o técnico.

Okada considera que o adversário é uma equipa bastante boa defensivamente: “Têm uma grande solidez defensiva e sabem usar bem as ‘armas’ de que dispõem”.

No Mundial2010, o Japão já igualou o seu melhor resultado de sempre, depois de em 2002, quando organizou a prova, juntamente com a Coreia do Sul, ter chegado aos “oitavos”.

Japão ou Paraguai, que se defrontam na terça-feira (15:00 em Lisboa), sob arbitragem do belga Frank De Bleeckere, ficarão a conhecer o adversário dos “quartos” a partir das 19:30, hora a que se inicia o Espanha-Portugal, na Cidade do Cabo.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.