Enquanto festejavam o resultado do jogo, “dezenas de indivíduos começaram a assumir comportamentos anti-sociais, nomeadamente danificando viaturas que se encontravam na via pública”, refere o comando metropolitano de Lisboa da PSP em comunicado hoje divulgado.

Segundo acrescenta, os adeptos terão saltado “para cima das mesmas [viaturas] para festejar, provocando amolgadelas e a partindo vidros”.

Apesar de, até aí, os festejos estarem a decorrer passivamente, “o dispositivo policial teve necessidade de intervir no sentido de fazer cessar esses comportamentos e desimpedir o arruamento”, justifica a PSP.

Medidas que, segundo acrescenta, levaram a uma reacção do grupo de adeptos com o “arremesso de objectos, nomeadamente pedras e garrafas de vidro, na direcção dos elementos policiais, vindo a provocar entre estes mais de 10 feridos (…) todos sem gravidade”.

A polícia considerou então necessário recorrer “ao uso da força quer através do uso de bastões policiais, quer através de disparos de shot-gun (com cartuchos de bagos de borracha), no sentido de repor a ordem pública”.

De acordo com a PSP, houve “vários danos materiais, inclusivamente numa viatura de um órgão de comunicação social que se encontrava a fazer a cobertura dos festejos” e dois homens (um de 18 e outro de 17 anos) foram detidos, devendo comparecer em tribunal na segunda-feira.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.