Com Portugal a dar uma grande ajuda, ao golear hoje a Coreia do Norte por categóricos 7-0, a média geral do campeonato já é superior a dois golos por encontro (2,09) – foram apontados 67, em 32 embates.

Ainda assim, este registo continua a ser o pior da história dos Mundiais no fecho da segunda jornada da fase de grupos, instituída a partir de 1950.

Desde essa edição, realizada no Brasil, a pior média, concluída a segunda ronda da fase de grupos, era de 2,17 golos por encontro – 52 tentos em 24 jogos, na prova realizada em 1986, no México.

Com 32 selecções na fase final (desde 1998), tinham sido apontados 80 golos em 1998 (2,5 por encontro), 81 em 2002 (2,53) e 75 em 2006 (2,34).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.