Num jogo em que as duas equipas jogaram a um ritmo eléctrico, havendo golos em ambas as partes, e com o marcador sempre a oscilar, o técnico do Uruguai considerou que a Alemanha foi mais eficaz na área.

"O que foi mais eficiente na área, o que menos erros cometeu, foi o que venceu. Doeu perder, mas acredito que mais uma vez demos provas de que jogamos de igual para igual", disse Tabárez em conferência de imprensa.

Tabárez afirmou ainda que a sua equipa jogou "contra uma potência do futebol" e sustentou que o Uruguai "poderia ter vencido", mas terminou com o quarto lugar, num jogo que classificou de "bom espectáculo".

Em relação à prestação do Uruguai no Mundial 2010, Óscar Tabarez mostrou-se optimista.

“Sabemos que fomos uma surpresa, que ainda estamos uns furos abaixo de outras três equipas, mas não longe. O caminho é por aqui. Vamos melhorar ainda mais com estes jovens”, afirmou o seleccionador dos “celestes”, Oscar Tabarez.

Tabarez ficou convencido de que o Uruguai pode "jogar de igual para igual com qualquer equipa porque não existem equipas superiores às que estiveram aqui".

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.