Na sombra dode Paulo Bento desde que juntos ascenderam dos juniores para a equipa sénior, Leonel Pontes passou por diversos patamares dos escalões de formação, onde se cruzaria com Cristiano Ronaldo.

Além de treinador do actual avançado do Real Madrid, Pontes foi também o seu encarregado de educação – na escola EB2 de Telheiras - depois do jovem prodígio deixar a Madeira para jogar no Sporting. “Fui directamente responsável por ele entre os 12 e os 15 anos de idade, ou seja, numa idade muito sensível. Naturalmente que foi uma fase em que foi preciso dar-lhe mais atenção. Aliás, não só a ele, mas também aos seus amigos, quase todos da mesma idade, que estavam longe das suas famílias”, revelou o técnico leonino ao site do clube, aquando da consagração de Ronaldo como o melhor jogador do Mundo, no início de 2009.

“É claro que a minha relação com o Cristiano era mais próxima. Somos os dois madeirenses e falávamos bastante sobre a nossa terra, a mãe dele estava sempre em contacto comigo, o que fazia com que eu acabasse por ser uma referência na vida dele”, acrescentou Leonel Pontes.

Por outro lado, o adjunto saiu momentaneamente da sombra de Paulo Bento em 2007, quando o superou no curso para treinadores UEFA Pro-Nível 4 da Federação Portuguesa de Futebol, alcançando 17,5 valores. Foi a melhor nota do curso, um pouco acima do até aí líder da equipa técnica leonina, que se quedou pelos 17 valores.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.