Com 43 golos e 25 assistências em 83 jogos com a camisola do Manchester United, Bruno Fernandes tornou-se essencial para a equipa de Solskjaer e levou os responsáveis dos red devils a avançar com o dossier da renovação.

No entanto, segundo o jornal Mirror, uma exigência do empresário de Bruno Fernandes veio dificultar as negociações. De acordo com o referido jornal, Miguel Pinho quer quer o novo vínculo do médio português inclua cláusula de rescisão, algo pouco usado na Premier League e cujo pedido foi prontamente negado.

Já o The Sun revela a proposta apresentada a Bruno Fernandes, que se traduz num salário de 350 mil euros por semana, ou seja, 18 milhões de euros anuais.

O atual vínculo de Bruno Fernandes com o Manchester United é válido até 2025.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.