Após o empate do Manchester City na 21.ª jornada da Premier League, Pep Guardiola falou da agressividade no futebol inglês, pedindo mais rigor nestes casos.

“Sei perfeitamente que em Inglaterra há mais jogo físico e o contacto entre jogadores é permitido até ao limite mas os árbitros têm de proteger os jogadores. Não os melhores mas todos! Há uma linha que, quando é ultrapassada, se torna muito perigosa. No passado temos tido sorte, acredito que os jogadores não querem lesionar os colegas de profissão mas eles [De Bruyne e Jesus] podem ficar de fora por um longo período”, disse o espanhol Pep Guardiola, aqui citado pelo jornal A Bola.

O Manchester City quebrou hoje uma série de 18 vitórias consecutivas na liga inglesa de futebol, ao empatar em casa do Crystal Palace (0-0), em que Ederson defendeu um penálti nos descontos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.