Com a excepção do guarda-redes Marcus Hahnemann, e tendo em conta a equipa com que os Wolves venceram o Tottenham (1-0), McCarthy promoveu 10 alterações no "onze" que defrontou terça-feira o Manchester United.

Os Wolves perderam com o Manchester United, por 3-0, e, desde logo, a decisão de McCarthy foi muito criticada e contestada, com os próprios adeptos a pedirem a devolução do preço dos bilhetes do jogo.

A Premier League solicitou já ao Wolverhampton explicações sobre a equipa que apresentou frente ao Manchester United e decidirá, após a resposta do clube, da abertura ou não de um inquérito.

Mick McCarthy justificou, entretanto, as alterações com a necessidade de fazer descansar alguns jogadores face à proximidade de jogos decisivos e adiantou que fez alinhar "a equipa mais forte possível".

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.