Viviano e Alan Ruíz rescindiram os respetivos contratos no último verão depois de não terem mostrado o rendimento pretendido pelos 'leões' na equipa principal do clube de Alvalade.

Agora, os empresários dos jogadores querem receber as comissões relativas às transferências dos jogadores que ainda não terão sido pagas e irão avançar para tribunal, segundo avança a edição desta quarta-feira do jornal 'A Bola'.

Os dois jogadores rescindiram, mas os casos não foram iguais: se no caso de Alan Ruiz, o jogador ainda realizou 26 jogos e sete golos pelo Sporting, Viviano nunca chegou a pôr as luvas, não tendo somado qualquer minuto pelos 'leões'.

O argentino tambem acabou por rumar aos argentinos do Aldosivi, onde este emprestado, enquanto que a rescisão de Viviano foi acertada já depois do fecho do mercado, deixando o jogador sem clube nesta altura.

O Sporting em relação à notícia e de acordo com o 'matutino', encontra-se sereno sendo que já no último Relatório e Contas declaravam uma dívida a agentes de perto de 25 milhões de euros.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.