Após o final do encontro entre Naval e FC Porto, o avançado da Naval, João Pedro, afirmou ter sofrido uma grande penalidade e que o jogador que a cometeu, Álvaro Pereira, havia admitido a irregularidade do lance.

No entanto, em declarações difundidas pela assessoria de imprensa do FC Porto e citadas pelo jornal Record, o jogador uruguaio refutou por completo essas declarações: “Em relação ao lance entre mim e o João Pedro, devo esclarecer que não falei com ele sobre a situação, portanto, se ele diz que confessei a existência de um pequeno toque, está a faltar à verdade e não está a ser correcto”.

Álvaro Pereira esclarece ainda que não houve “qualquer falta” e que falar-se de um penálti “seria desajustado”.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.