O jogador ligado ao Benfica considera que o empréstimo ao Belenenses resultou numa boa temporada e destacou o facto de mais uma vez ser eleito o melhor jovem da II Liga.

«É um prémio muito importante para mim. Já é o terceiro numa época que considero ter estado a um nível muito bom. Quero continuar a trabalhar desta forma para continuar a ganhar prémios deste tipo porque é sinal que estou no bom caminho e a evoluir», disse o jovem jogador ao sjpf.pt., realçando que ainda não sabe se terá uma oportunidade no Benfica na próxima temporada.

«Até agora nada me foi dito. Tenho contrato com o Benfica, tenho que me apresentar no início da época no clube e depois logo se verá.»

Miguel Rosa prefere destacar para já a sua evolução no Belenenses.

«Aqui sou apenas mais um. Trabalho diariamente para ajudar a equipa nos seus objetivos e a ser cada vez um jogador melhor. Fico contente por ter conseguido com que o Belenenses ficasse numa boa posição na classificação mas ao mesmo tempo fico triste porque é um clube histórico que mais uma vez não consegue chegar a um lugar que lhe pertence», disse lamentando o facto de o clube não ter garantido a subida de divisão.

Apesar de tudo, o Belenenses assinou uma boa campanha, para isso contribuído o trabalho de Marco Paulo.

«A mudança de treinador foi positiva porque estávamos num mau momento, em termos classificativos a situação não estava famosa mas felizmente conseguimos recuperar. Como já conhecíamos o Marco Paulo toda essa mudança se tornou mais fácil.»

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.