O convite surgiu pela paragem que haverá nos campeonatos, com a disputa dos jogos do “play-off” de acesso ao Mundial da África do Sul, em que Portugal joga com a Bósnia e a França com a República da Irlanda.

Assim sendo, o Braga poderá rumar até Paris, para um duelo amigável, e que reedita o confronto entre as duas equipas nos oitavos-de-final da Taça UEFA, em que os parisienses afastaram a equipa portuguesa, treinada na altura por Jorge Jesus.

A equipa minhota, actual líder da Liga, foi o adversário escolhido por preencher os requisitos necessários: experiência europeia e a liderança do campeonato português.

Nesta data, o Sporting de Braga não tem compromissos agendados, no entanto cabe a Domingos Paciência a decisão, que deverá ser positiva, dado o agrado da estrutura arsenalista ao convite parisiense.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.